Archive for the ‘Animação’ Category


E continuando na série de jogos de DS, esse aí se chama Trauma Center – Under the Knife. Nele você encarna o Dr. Stiles, um cirurgião iniciante que fará sua carreira durante o jogo.

Claro, começamos o jogo com cirurgias simples, nas quais maiores conhecimentos de inglês são inclusive dispensáveis.

Além da simulação da cirurgia, caso você tenha um lado carniceiro, pode brincar de cortar o paciente, costurar o coração dele e etc. Falando assim parece bobeira, mas é muito divertido.

Apesar de os gráficos não serem lá grande coisa, é um ótimo passatempo para você fazer durante aulas de filosofia da psicologia viajens, missas intervalo escolar, entre outros.

O jogo tem um enredo bem batido, não inova muito nessa parte, mas a parte de interação com o jogador é muito foda  legal e é muito, muito empolgante, e uma vez que se começa a jogar, só quando a bateria acaba. hahahahahahahaha

Nota psicologia: 8,5

p.s. recado pra galera da nintendo: ta faltando jogo de psicologia pra DS ein, dou um mês pra vocês, se virem

Phoenix Wright

Posted: 18/04/2011 in Animação, Awesome, Jogos
Tags:

Se você vir uma pessoa gritando “Objection” e ela tiver cara de nerd, não se espante, ele vai estar viciado nesse jogo bizarro chamado Phoenix Wright.

Nesse jogo, você encarna um advogado com uma assistente paranormal. Seu trabalho é basicamente conseguir uma sentença de “inocente” para todos os seus clientes. Parece fácil na primeira fase, mas o jogo vai passando…

E a complicação do jogo começa, e você passa a ter que reunir todas as provas, testemunhos, raciocinar em cima das situações pra poder provar pro juiz a inocência do seu cliente, afinal é pra isso que seu personagem é pago e também é a razão pela qual você baixou comprou o jogo.

E no meio de muitas objeções, provas e tal, surgem os promotores que são invariavelmente mau-caráteres e tentam de tudo, inclusive truques ilegais para conseguir a sentença de culpado, mas não estamos dispostos a deixá-los fazer isso não é?

É um jogo bem divertido, tem horas que enjoa, mas a curiosidade faz você jogar até o fim.

Nota psicologia: 7


Este é um dos filmes do grupo de humor Monty Python. A história é baseada no Rei Artur, a formação de Camelot e a busca pelo santo graal. Formulada de maneira a ser uma paródia, este filme destaca-se pelas mesmas características que o seriado do grupo (já fiz a crítica). Esse filme é extremamente criativo e original, tão original quanto um filme que o mal vence, tão original quanto um psicólogo racional ou um engenheiro normal. Com cenas inusitadas, humor inteligente e marcante, a história não é o peso da balança, mas sim as personagens e as situações enfrentadas. Algumas das mais marcantes e famosas são os cavaleiros que só dizem Ní e a fera negra de Ahh.

Entre reviravoltas e cenas que arrancam WTF até dos mais malucos dos psicólogos, este filme deveria ser visto por todos que gostam de comédias, porque muito veio do Monty Python, e também para aprenderem o que é humor de verdade. Por que digo humor de verdade? Porque não sou retardado e não preciso que o seriado me “avise” quando é para rir usando aquele fundo sonoro de risadas extremamente falsas. Ninguém irá gargalhar durante o filme inteiro, mas ainda assim é ótimo ver o que é feito, quase que um filme e uma história em diferentes sketches.

Nota engenharia: 9

Persepolis – 2007

Posted: 08/04/2011 in Animação, Drama, Filme

Persepolis é um filme francês muito impactante e comovente, vencedor do prêmio do júri em Cannes em 2007 e indicado ao Oscar de melhor animação. O filme é baseado no romance gráfico autobiográfico de Marjane Satrapi. Persepolis conta a história da vida dela em meio a Revolução Iraniana e suas conseqüências para o povo iraniano. Devido aos problemas ela viaja para a França onde mora durante um tempo antes de voltar para o Irã e enfrentar mais problemas.

Com o foco feminista e anti-islamita, o filme é tocante ao mesmo tempo que indignante, vendo a família dela sofrer com governos opressivos, e também o xenofobismo sofrido na Europa.

Não é um filme que se veria para apenas diversão, mas é um ótimo filme para reflexão. Recomendo para todos que gostam de drama ou de refletir sobre o mundo e as diferenças culturais.

Nota engenharia: 8,5

Rango

Posted: 07/04/2011 in Animação, Aventura, Comédia, Filme

Esse é um dos filmes/desenhos da série “não parece ser tão bom assim mas acaba sendo foda legal”.

Apesar de não ter recebido atenção da mídia, esse é um filme com bom enredo, que apesar de ser meio batido, é construído de maneira muito inteligente e com recursos de animação excelentes.

Rango é um camaleão que acaba se perdendo de seus donos num acidente durante uma viajem, e daí ele sai de seu solitário aquário e entra em meio que uma jornada de auto-conhecimento, na qual ele tenta ajudar uma cidade literalmente perdida no deserto.

Considero esta uma animação voltada principalmente para o público masculino, devido ao seu foco na aventura e a seus personagens meio grotescos, mas não desagradou nenhuma mulher que eu conheça. Vale muito a pena.

E creio que o aprendiz de engenheiro de plantão deva passar mais tempo curtindo a vida ao invés de passar o tempo todo procurando coisas que ninguém conhece para falar no blog.

 

Nota psicologia: 8,5