Archive for the ‘Mangá’ Category

Fate Stay Night

Posted: 15/04/2011 in Ação, Anime, Aventura, Mangá, Séries

Este é um anime meio bizarro, começando pelo nome. As personagens invocam guerreiros de outro mundo para lutar, sendo que a dupla vencedora ganhará o santo graal. Não é dos animes mais criativos, já vi mais criatividade em paredes de banheiros públicos, mas ainda é razoavelmente divertido. A personagem principal invoca sem querer a guerreira Saber, que no fim das contas (spoiler) é o rei Artur (também não entendi o lance de ser mulher). Um fato legal deste anime é que todos os guerreiros chamados para lutar são personagens mitológicos ou reais (não tenho certeza se algum deles é real) de diferentes culturas, como o rei Artur, Hércules e mais outros.

De resto, é o anime de luta que vemos sempre, o cara principal apanhando mais que mulher de malandro, mais teimoso que mulher quando acha que está certa, e tão engraçado quanto um professor de cálculo fantasiado de borboleta.

Apesar de tudo, é divertido, e quem gosta desse gênero deveria assistir como passatempo. Não acrescentará nada a ninguém, mas são algumas horas de descontração durante estudos para provas (sim, usei esse anime para isso também).

Nota engenharia: 6

PUTA QUE ENGENHEIRO SPOILER DO CACETE CARAMBA!!!!! nem tinha chegado nessa parte ainda o cara já fala, que ódio.

Bom gente, apesar do spoiler maldito do engenheiro mal comido compreendido, o anime é bom sim, tem várias cenas de luta foda e gostei pra caramba do enredo também, a única coisa que torna ele desanimante é o fato de que as coisas demoram muito pra acontecer, o que pode ser que dê sono em muita gente, mas é um dos que, considero eu, todo mundo precisa assistir antes de morrer. Só pra constar também, cada guerreiro invocado por um mago é especialista em um tipo de arma.

Nota psicologia: 8

Anúncios

Shaman King

Posted: 12/04/2011 in Anime, Aventura, Awesome, Mangá

Esse é um dos mangás e animes mais fodáááásticos incríveis de todos os tempos, talvez seja tanto quanto yu yu hakusho… talvez…

A história se passa ao redor de Yoh Asakura – um jovem xamã – e seus amigos, que sonham em se tornar o Shaman King (Rei Xamã). Mas só uma pessoa pode sê-lo.

Xamã é “aquele que faz a ligação entre esse e outro mundo”.

Alem de Yoh – que é mais vagabundo boa-vida que um psicólogo e um engenheiro somados -, cada personagem tem suas características marcantes, o que faz com que o enredo se desenrole com facilidade e fique muito divertido.

Apesar do que possa vir a parecer, é um título que tem tanta ação e aventura quanto comédia.

Eu ainda não vi o anime, mas um amigo meu que tem o gosto tão bom quanto bem parecido com o meu falou que a história destoa completamente, e a do mangá fica muito mais legal.

Na minha opinião ninguém no mundo deveria morrer antes de ver essa série incrível, MANO, É SIMPLESMENTE IMPERDÍVEL.

NOTA DA PSICOLOGIA: 10

Eu apenas assisti o anime e não li o mangá, mas ainda assim dá para comentar. O começo eu achei ótimo, criativo, engraçado e emocionante. O meio foi por aí também. O fim que eu achei que deixou a desejar um pouco, quando comparado com a qualidade do começo da série. O fim está impregnado do fator “anime japonês” que eu já comentei algumas vezes. Mesmo assim é um ótimo anime e quem gosta deste gênero deveria assistir.

Nota engenharia: 8,5

Bem-Vindo à NHK

Posted: 12/04/2011 in Anime, Mangá

Bem-vindo a NHK trata de um fenômeno que tem sido muito presente no Japão contemporâneo: os Hikikomoris(acho que é assim mesmo que escreve), que são aquelas pessoas que ficam – literalmente – sem vida ao largar tudo para acompanhar games, programas e gibis, às vezes chegam até mesmo a largar emprego, faculdade, família, namorada, etc.

O personagem principal – Tatsuhiro Sato – é um hikikomori que largou a faculdade há dois anos e desde então tem vivido às custas da mesada da mãe – a qual de vez em quando gasta tudo com seu vício em mídia.

Ele acredita que o fato de estar desempregado é trabalho da organização NHK – uma emissora japonesa – que, para ele, se trata de uma conspiração para transformar as pessoas em Hikikomoris.

Os outros personagens são tão bons quanto e a história é hilária, um trabalho incrível, cheio de situações ótimas e vale muito a pena

 

Nota psicologia: 9

Code Geass

Posted: 11/04/2011 in Anime, Aventura, Awesome, Mangá

Esse anime é um dos mais fodásticos legais que já foram feitos. O mangá deixa um pouco a desejar devido ao déficit de robôs gigantes.

É uma história meio futurista, na qual o Japão foi dominado pelo império da Britannia, e passou a se chamar área 11(eleven).

Os cidadãos japoneses começaram a ser hostilizados em sua própria terra natal e tratados como se fossem imigrantes latino-americanos nos Estados Unidos. Nesse contexto, o jovem cidadão britanniano Lelouch – pra variar, um estudante colegial excepcional – conhece uma pessoa com poderes misteriosos que lhe concede um dom, o que o torna apto para tentar realizar seu grande sonho – destruir a Britannia.

Esse é um título que alcançou considerável sucesso internacional, com as histórias do anime e do mangá diferindo levemente, o que faz tudo ficar mais interessante.

Diferente de Naruto, Bleach, One Piece, Fairy Tail… outros títulos de sucesso da atualidade, este não tem infinitas edições, e é humanamente possível acompanhar tudo sem deixar de dar atenção aos aspectos sociais da sua vida.

Nota psicologia: 9

Um anime sobre dominação mundial, robôs, poderes sobrenaturais e alunos do colegial excepcionais. Este anime é tão original quanto um universitário bêbado, ou um psicólogo pirado ou o filme “Em busca do vale encantado XIII” (sim, este filme foi feito). As lutas dos robôs são as de sempre, assistindo um anime já é possível de ver todos.

Tirando a crosta de mesmice, esse anime me empolgou até, sendo que assisti a primeira temporada rapidamente. Gostei da parte política, das ações das personagens, da maneira como o enredo foi montado no cúmulo da falta de criatividade. Quem conhece algumas HQ clássicas vai ficar decepcionado com Code Geass em alguns aspectos, da mesma maneira que alguém que espera novidade vai ficar decepcionado.

Ainda assim, eu gostei do anime, sendo ele uma ótima maneira de se matar horas em que devia estar estudando para uma prova.

Nota engenharia: 7 (nota na prova por causa do Code Geass: 3)

Karekano

Posted: 07/04/2011 in Anime, Comédia, Mangá, Romântico

Este anime conta a história de uma menina e um menino. Sim, um mela cueca uma comédia romântica. Ele conta sobre tudo que acontece entre os dois, em todos os clichês românticos possíveis, porém necessários em histórias de amor. No começo a briga, depois a afeição e no fim a superação dos problemas.

Não há muito mais do que falar deste anime, é comédia romântica, é cheia de clichês porém ainda vale a pena para quem gosta desse lero-lero.

Ponto a favor deste anime é a música “Yume no naka e” que toca no encerramento do anime. Ponto contra foi trocar essa música por outra na metade da série huahuahuahuahuauhhuahua.

Se eu fosse um psicólogo uma mulher daria nota mais alta, mas sou da engenharia…

Nota engenharia: 6

Karekano é legal pelas situações inusitadas e pelas personalidades dos personagens, além do que tirando um pouco de enrolação, tem umas situações engraçadas, uma trama inteligente e um pouco de romance na vida às vezes é bom…

Bom, gostaria de pedir ao nosso amigo engenheiro que não postasse enquanto não encontrasse uma pessoa do sexo feminino na sua sala de aula, mas acho que não suportaria escrever sozinho até o dia de são nunca.

Nota psicologia: 8

Yu Yu Hakusho

Posted: 07/04/2011 in Anime, Aventura, Awesome, Clássicos, Mangá

E por falar em animes, venho aqui falar deste que é com certeza o mais foda legal, divertido, empolgante e emocionante de todos os tempos: Yu Yu Hakusho.

Ele conta a história de Yusuke Urameshi, um estudante colegial japonês – nem todos os animes bons são inovadores – que morre ao tentar salvar a vida de um garoto, mas volta a viver para se tornar um detetive espiritual, passando a viver a vida trocando porrada com uma galera com poderes bizarros – o sonho de toda criança.

E não é só o personagem principal que merece destaque, todos os que estão nessa foto são personagens incríveis e apaixonantes à sua própria maneira, e ainda tem os inimigos deles, que chamam a atenção também, mas geralmente não fazem aparições que vão muito além de uma saga.

Assim, se alguém for acompanhar o mangá/anime sugiro que acompanhem os dois, pois há cenas exclusivas em ambos.

O autor fez tanta grana só com esse título que nem está levando seu mais recente sucesso – Hunter x Hunter – a um bom ritmo, pois o título entrou em suspensão pela segunda vez, e é a segunda suspensão que demora mais de um ano… aliás há quem diga que esse tipo de atitude se deve a motivos de saúde – ou falta de saúde.

Enfim, eu poderia passar o resto da vida falando sobre esse clássico que foi exibido na extinta – e saudosa – TV Manchete quando este que vos fala era criança, mas vou dar a nota logo.

Nota psicologia: 10

Concordo com tudo que nosso vagabundo psicólogo de plantão disse. Sim, as vezes isso ocorre, mesmo que seja raro huauhauhauhauhahuauhuha.

É um anime muito foda (eu só acompanhei o anime) cheio de poderes massas e lutas bizarras porém divertidas. O único detalhe que não me agrada é algo que ja mencionei antes, o fator “anime japonês”, que sempre após derrotar um super inimigo aparece outro muito mais foda forte e que no começo parece imbatível.

Apesar disso tudo, é um anime que recomendo para todos os que gostam desse gênero.

Nota engenharia: 9